30 de mai de 2011

LADY MADONNA NO RIO DE JANEIRO

E o meu grande amigo da Beatles Brasil, o angolano Paulo Seixas, veio novamente ao Brasil para o show do Paul no Rio. E ele, com sua câmara, filmou Paul interpretando Lady Madonna. Vejam o pequeno relato do Seixas e em seguida o vídeo:

"Segunda-feira, 23 de maio de 2011, segundo show no Rio de Janeiro, Estádio do Engenhão do meio, o estádio do Botafogo, eu estava na grade da frente, a cinco metros do baixista dos Beatles.".




Paulo Seixas e Big Charles (Carlos Edu Bernardes) em recente show de Paul McCartney


Grandes FABraços do BEATLEBOX, Imediato Seixas!

28 de mai de 2011

ENTENDA PORQUE RINGO DISSE QUE PAUL GOSTA DE PENSAR QUE É O ÚNICO BEATLE VIVO

Esta matéria foi feita especialmente para você, que passou os últimos dias xingando o pobre Ringo, devido à notícia divulgada em alguns sites, onde ele declara que Paul McCartney age como se fosse o último dos Beatles.

Nosso compromisso maior é com a informação (sempre quis usar esse slogan de telejornal) e garantimos, caríssimo leitor, que após ler a explicação, você verá que Ringo não agiu de má fé.

Vamos aos fatos:
 

A declaração dada por Ringo foi recebida pelos fãs como algo rancoroso e até grosseiro. Mas é preciso que se entenda o contexto, para que não se repita o mesmo erro dos anos 60, quando queimaram discos dos Beatles, após a declaração de Lennon sobre o Cristianismo.

Em entrevista Daily Mail, o baterista falou sobre sua frustração quando os repórteres só perguntam dos Beatles. “ -É difícil, porque as pessoas não querem que você cresça. Querem me manter naquele mundo e esperam que eu seja aquele que eles estão acostumados a ver em filmes e shows.” Disse Ringo

Mas, com uma fortuna avaliada em £ 200 milhões e casado com uma Bond Girl, Ringo sabe que não deve se incomodar com esse tipo de coisa, tampouco com os comentários maldosos que dizem que ele foi sortudo por ter sido convidado a entrar pra banda. Ringo já era um baterista experiente antes dos Beatles. Agora se prepara para sair em turnê pela Europa com sua All Starr Band.


A marca “Beatles” fatura mais do que nunca. Os discos já venderam aproximadamente 2 bilhões de cópias e graças à tecnologia, a beatlemania continua com toda força. Quando perguntado sobre o convívio com Paul McCartney, Ringo sorri e diz: “ -Somos tão próximos quanto gostaríamos de ser. Somos os últimos Beatles vivos, embora ele goste de pensar que é o único!

UPDATE [CORREÇÃO] Essa declaração, que gerou tantos comentários entre os fãs, foi só uma brincadeira com um episódio do programa inglês Comic Relief, onde Ringo e Paul fazem uma participação.

A história se passa em uma sala com vários artistas, tendo que escolher qual deles fará uma campanha em prol da África. Paul McCartney, cheio de pompa, diz: “ -Todos daqui sabem que a pessoa mais apropriada para isso sou eu. Eu sou o último dos Beatles!” Todos concordam, quando Ringo grita do outro canto da sala: “ -E EU?

A cena pode ser vista aqui:


Está claro que o comentário de Ringo foi apenas uma referência a este desenho e que o baterista não guarda nenhuma espécie de rancor de seu companheiro de banda.
Agora, acho que Ringo merece um pedido de desculpas…

 
Ok, Ringo… Agora que já explicamos,
pode parar com a chantagem emocional
Por Edcarlos da Silva

24 de mai de 2011

NO RIO!

E chegamos ontem à noite do Rio de Janeiro, após assistir ao show do Paul no dia 22 no Engenhão!

Foi tudo maravilhoso! Local legal na arquibancada leste inferior, onde o palco ficou relativamente perto. Os fogos de Live And Let Die foram bem na nossa frente! Show!

Depois vou subir dois videos (nada profissional, é claro) pro You Tube e postar aqui. Gravei as canções Let Me Roll It e Live And Let Die. Seguem algumas fotos:

Paulinho, Mariângela e eu, chegando ao Rio, no túnel que dá entrada à Copacabana

Paul ali no palco, cantando All My Loving

The Long And Winding Road

Ali está Sir Paul, cantando Jet

Depois de 2h36min o fim do show, após a belíssima The End

Vibrando ainda com o belo show

16 de mai de 2011

TRIBUTO A BUDDY HOLLY

Direto do blog do Vicky Paes Martins - "Rave On Buddy Holly", - Buddy Holly, que completaria 75 anos em setembro deste ano, 2011, - é o titulo do álbum com lançamento marcado para junho, que contará com novas versões para clássicos do pioneiro do rock 'n' roll, interpretados por outros artistas.

Paul McCartney, My Morning Jacket, Lou Reed, Graham Nash, entre outros, terão temas neste álbum tributo, dedicado a Buddy Holly, um dos pioneiros do rock 'n' roll, morto tragicamente num acidente de avião em 1959, aos 22 anos de idade. A informação é do site da revista Spinner.

Intitulado Rave On Buddy Holly, o álbum conta com 19 faixas e chega às lojas a 28 de junho, com o selo da Fantasy Records/Concord Music Group. De acordo com um comunicado à imprensa internacional, as novas versões para alguns clássicos de Buddy Holly, não são, de fato decalques das canções originais.

"Os artistas usaram a sua criatividade para explorar novas formas de reinterpretar os temas escolhidos por eles", lê-se no comunicado.

Foi criado um site oficial para o lançamento, porém não há trechos de nenhum dos temas, cujo alinhamento é o que se segue:

Rave On Buddy Holly:

1 - "Dearest" -The Black Keys
2 - "Every Day" - Fiona Apple & Jon Brion
3 - "It's So Easy" - Paul McCartney
4 - "Not Fade Away" - Florence + The Machine
5 - "(You're So Square) Baby, I Don't Care" - Cee Lo Green
6 - "Crying, Waiting, Hoping" - Karen Elson
7 - "Rave On" - Julian Casablancas
8 - "I'm Gonna Love You Too" - Jenny O.
9 - "Maybe Baby" -Justin Townes Earle
10 - "Oh Boy" - She & Him
11 - "Changing All Those Changes" - Nick Lowe
12 - "Words Of Love" - Patti Smith
13 - "True Love Ways" - My Morning Jacket
14 - "That'll Be The Day" - Modest Mouse
15 - "WellAll Right" - Kid Rock
16 - "Heartbeat" - The Detroit Cobras
17 - "Peggy Sue" - Lou Reed
18 - "Peggy Sue Got Married" - John Doe
19 - "Raining In My Heart" - Graham Nash

Veja agora Paul interpretando It's so Easy ao vivo no dia 19 de agosto de 2009 em Dallas.


E o Cláudio Teran, da Beatles Brasil, ainda me enviou as seguintes informações:

Paul McCartney gravou It's So Easy no Avatar Studios em Nova York, durante uma sessão que durou quase a tarde inteira, em fevereiro deste ano.

A produção coube a David Khane (que também produziu o CD Driving Rain) e foi realizada num clima bem anos 50. Paul disse que utilizaria as reminiscências do que ouvia no rádio quando garoto para fazer sua versão do take.

E a gravação é estupenda, tanto pelos vocais e improvisos a la Elvis quanto pela participação da banda e backing vocals. It's So Easy foi escolhida por Paul para a participação dele no álbum RAVE ON, um tributo a Buddy Holly, no final do ano passado. "Foi difícil, amo tudo o que Buddy gravou, mas It's So Easy tem uma atmosfera especial", justificou.

Vale registrar ainda que essa composição tem sido tocada em soundchecks por Paul McCartney, e mesmo em alguns shows como o do video acima, desde a retomada dos concertos ao vivo no final dos anos 80.

14 de mai de 2011

OS INGRESSOS CHEGARAM!

Bela surpresa na caixinha dos Correios hoje à tarde!

Rio de Janeiro, aqui vamos nós!

WE LOVE HIM, YEAH YEAH YEAH!

10 de mai de 2011

PAUL ONTEM NO PERU!


O paletó foi aquele mesmo utilizado na abertura do primeiro show em SP. Milhares de simpatizantes de Paul McCartney acompanharam seu show no estádio Monumental, em Lima, no Peru, na noite de segunda-feira. O ícone pop chegou às 21h35 (horário local) para a alegria dos fãs, alguns deles acampados por vários dias antes do evento em frente ao estádio. O primeiro item da série foi o famoso Hello Goodbye, popularizado pelos Beatles. Após essa música, McCartney se dirigiu ao público: "Olá! Finalmente estou no Peru. Estou muito feliz por estar aqui". Paul está em Lima desde o domingo. Ele foi saudado por fãs no aeroporto e no hotel onde está hospedado. Teve tempo inclusive de andar de bicicleta em um passeio por Lima. E promoveu mudanças muito tímidas no setlist. Suprimiu uma ou outra faixa, trouxe Hellow Goodbye de volta e deslocou algumas faixas de lugar na ordem de execução. No mais veremos um show no RJ muito semelhante ao que curtimos em SP e em POA. Mas é claro que está valendo.

SEGUE O SETLIST DE LIMA

1. Hello Goodbye
2. Jet
3. All My Loving
4. Letting Go
5. Drive My Car
6. Sing The Changes
7. Let Me Roll It
8. The Long And Winding Road
9. Nineteen Hundred and Eighty Five
10. Let 'Em In
11. I've Just Seen A Face
12. And I Love Her
13. Blackbird
14. Here Today
15. Dance Tonight
16. Mrs Vandebilt
17. Eleanor Rigby
18. Something
19. Band on the Run
20. Ob-La-Di, Ob-La-Da
21. Back In The USSR
22. I've Got A Feeling
23. Paperback Writer
24. A Day In The Life / Give Peace A Chance
25. Let It Be
26. Live And Let Die
27. Hey Jude

Encore
28. Day Tripper
29. Lady Madonna
30. Get Back

Second Encore
31. Yesterday
32. Helter Skelter
33. Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band / The End

Cartaz distribuído ontem no show  (foto enviada pelo amigo Adriano Mussolin, da Beatles Brasil, que esteve ontem no show em Lima, Peru)